sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Preparativos para as férias - as aromáticas


Olá a todos,

hoje o "Macaquinhos no Closet" vai de férias. E bem merecidas que elas são.

Foram 2 anos muito intensos. Sim, porque no ano passado, à conta da loja do F. que ajudei a montar/arrumar, praia e descanso nem vê-lo.

Assim, estas duas próximas semanas vão saber que nem ginjas!

No entanto, como em todas as casas, ir de férias exige preparação... E no meu caso nem filhos tenho... nem quero imaginar como será com a criançada.

Assim, as preocupações gerais são:


  • ir gastando a comida do frigorífico para não se estragar (desta vez não consegui e algum legumes ainda lá estão, pelo que terei de os despachar para alguém, pois não gosto de desperdiçar);
  • "despachar" o Ninja para casa dos avós/os meus pais (este ano já lá estava), pelo que não foi preciso preocupar-me com ele;
  • "tratar" da Tripy, porque fica em casa no aquário, visto que as tartarugas aguentam-se bem uns dias sem ninguém em casa;
  • pelo que este ano a preocupação maior foram as minhas aromáticas (e outras plantas) na varanda:
    • a Segurelha dada pela vóvó;
    • os oregãos;
    • a hortelã;
    • o manjerico (embora não seja comestível);
    • o alecrim;
    • o cebolinho;
    • as malaguetas (várias espécies);
    • as suculentas (embora também não seja aromática nem comestível);
    • a orquídea.


Com excepção das suculentas e da orquídea, a minha preocupação era como manter vivas por 15 dias plantas, atendendo a que não encontrei uma alma caridosa que me as fosse lá regar...

Conclusão, andei a pesquisar na net e a conclusão foi ter investido nestas coisas que nem sei lhe dar nome mas que servem para encaixar na terra com umas garrafas:





Apesar das coisas ontem não terem corrido muito bem (descobri que as garrafas de água não encaixavam bem) e às tantas faltaram-me garrafas, no entanto consegui que o manjerico e a segurelha ficassem com uma garrafinha de 2 litros para as ir alimentando.

Ficavam no entanto a faltar como dar água às restantes plantas, com excepção das suculentas e da orquídea (essas ficam em auto sustento).

Acabei por colocar os restantes vasos em bacias/recipientes maiores que o próprio vaso e deixar com imensa água para elas irem puxando... Espero não afogar as coitadinhas e nem que elas me morram de água em excesso.

Desta vez foi assim que me safei, caso tenham outras sugestões, aceito de bom grado (para aplicar numa próxima vez, quiçá...) 

Depois conto como correu no meu regresso...

Até lá, fiquem bem! :)

Sem comentários:

Enviar um comentário